Criminoso que rouboou balsa em Cabrália tomba em ação da PM em Belmonte



Graças a uma denúncia anônima, o carioca Jairo Alves do Santos, 25 anos, e mais três comparsas que integraram a quadrilha que roubou, no início do mês, uma balsa em Santo André, município de Santa Cruz Cabrália, foram localizados, na manhã desta quarta-feira (23), em Belmonte, por guarnições da Companhia Independente de Policiamento Especializado (Cipe/Mata Atlântica) e da Companhia de Emprego Tático Operacional (Ceto) do 8º Batalhão de Polícia Militar. 

Ao chegarem à casa, na rua Moacir Costa, distrito de Barrolândia, onde estavam escondidos os bandidos, os policiais foram recebidas a bala. Três dos quatro criminosos conseguiram fugir, mas Jairo foi encontrado ferido no interior do imóvel e, apesar de socorrido para o Hospital Municipal de Belmonte, acabou morrendo. Na residência, usada como esconderijo pelo bando, foram encontrados um revólver Rossi, calibre 32, seis cartuchos e um aparelho celular, além de gaze, esparadrapo, luvas, álcool, dentre outros materiais utilizados para primeiros socorros. 

De acordo com a polícia, os criminosos vinham ameaçando os servidores do sistema de saúde da cidade, a fim de obter material para usar no tratamento de dois parceiros feridos no dia do roubo à embarcação. “Jairo tinha um ferimento antigo na perna, provocado por um confronto com unidades da Polícia Militar na madrugada do roubo a balsa”, afirmou o comandante da Cipe Mata Atlântica, major Ronivaldo Pontes.

Postar um comentário

0 Comentários