Mulher é morta a golpe de facão por companheiro que não aceitou fim de relação

 

Uma mulher foi morta com um golpe de facão na cabeça, na cidade de Santa Bárbara, a cerca de 124 km de Salvador, na noite de sexta-feira (30). Por meio de nota, a Polícia Civil informou que a autoria ainda será esclarecida. Testemunhas, no entanto, afirmam que ela foi assassinada logo após terminar o relacionamento com o companheiro, que é o suspeito do crime. Por meio de nota, a Polícia Civil detalhou que vai investigar o crime contra Jonilde Alves da Silva Lima, de 44 anos, e que há suspeita de feminicídio. Segundo a polícia, o corpo dela foi encontrado às margens da BR-116, nas proximidades do centro da cidade.

Policiais militares foram acionados após o ataque, mas quando chegaram ao local, a mulher já estava morta. O suspeito não foi encontrado no local e até este sábado (31), não havia sido preso. A 1ª DT/Serrinha, unidade onde a ocorrência foi registrada, expediu as guias periciais. A irmã de Jonilde, Luzinete Alves, contou ao G1 que a vítima estava em uma festa na região da quadra poliesportiva da cidade. Jonilde foi ao evento acompanhada do suspeito, identificado apenas como “Dão”.

Na festa, os dois tiveram uma briga e ela resolveu terminar o relacionamento. Ao sair do local, ela parou para conversar com amigos, quando foi atacada pelo suspeito enquanto estava de costas, confirme relato da irmã. “Eles estavam juntos na festa e discutiram. A amiga, que também estava com ela na festa, contou que eles tinham terminado nesse local. Quando ela foi para casa, parou para conversar com alguém. Ele chegou de carro, desceu e deu golpes de facão na cabeça de minha irmã. Depois ele fugiu e abandonou o carro dele no lugar e fugiu por uma mata”, conta Luzinete.

Postar um comentário

0 Comentários